GRADUAÇÃO MEXICO - Fundación Capital
20271
page-template-default,page,page-id-20271,page-child,parent-pageid-20148,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-13.2,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.5,vc_responsive

GRADUAÇÃO MEXICO

Após terminar a fase de design, e em colaboração com o Programa de Inclusão Social PROSPERA (o principal programa governamental de transferências condicionadas de renda, que atinge 7 milhões de residências), o projeto piloto “De la Mano con PROSPERA” (De Mãos Dadas com PROSPERA) se iniciou em setembro de 2016 com 400 participantes localizados em dois municípios diferentes: Coyuca de Benítez (Guerrero) e Amealco de Bonfil (Querétaro).

 

O projeto busca ajudar os beneficiários do PROSPERA vivendo em extrema pobreza em áreas rurais a ultrapassarem a linha de bem-estar rural mínimo de uma forma sustentável, fortalecer sua inclusão produtiva, reduzir o número de privações sociais que enfrentam, avaliar suas próprias capacidades e, em última instância, melhorar seu bem-estar.

 

Para alcançar esses objetivos, foi pensada uma intervenção de 24 meses durante os quais seis componentes foram introduzidos: segurança alimentar, ativos produtivos, fomento de poupança, acompanhamento e treinamento, melhoria habitacional e fortalecimento do capital social.

 

E, termos de treinamento, usamos o APPtitude, um aplicativo para oferecer um sistema completo de coaching virtual que ajuda famílias que vivem na extrema pobreza a desenvolverem seus empreendimentos econômicos, a fim de aumentar seus ativos e, assim, reduzir sua vulnerabilidade. Consiste em um aplicativo para tablet que ensina conteúdos complexos de uma maneira simples, interativa e recreativa, com foco em conceitos de educação financeira, capacidades para a vida e empreendedorismo. Por meio de histórias e atividades, e com o apoio individual oferecido por facilitadores pertencentes à própria comunidade, usuários são treinados e empoderados para tornar realidade suas ideias de negócios.

 

Dos participantes do projeto, 98,5% são mulheres e cerca de metade delas pertencem à população indígena otomi. Para elas, o fato de que o projeto coloca seu conhecimento e dinheiro nas mãos delas para que iniciem ou fortaleçam sua própria atividade produtiva contribui para seu empoderamento e aumenta sua resiliência e autoestima.

 

A implementação da fase piloto terminará em julho de 2018 e a partir de agora a Coordenação Nacional do PROSPERA decidiu tornar o projeto a primeira ligação com a nova Estratégia Nacional de Inclusão Produtiva que está sendo concebida, abrindo o caminho para sua possível expansão.

 

 

 

 

Parceiros-chave: Fundação Ford, PROSPERA

Projetos relacionados: APPtitude, Graduation, Graduation Colômbia, Graduation México, Graduation Paraguai, Graduation Honduras.